Receba as atualizações por e-mail

Cadastre seu e-mail:

terça-feira, 1 de maio de 2012

Razão, vida e mito


Tendo praticamente soçobrado a Igreja guardiã de uma verdade eterna e imutável, vejo o papa conduzindo a Igreja como um carro puxado por dois cavalos que representam as duas correntes da Igreja, os tradicionalistas e os progressistas de vários matizes. Um dos cavalos é de raça pura, o outro, pangaré. Quando puxada pelo cavalo de raça, a Igreja se recorda das verdades eternas, aspira às alturas docéu, e, alimentada pela doutrina tradicional, dá a seus filhos a tão necessária segurança e firmeza em um mundo cheio de incertezas; quando à tração do cavalo reles, a Igreja faz concessões ao mundo moderno, aventura-se em experiências religiosas humanistas e desorienta seus filhos, como que esquecida de viver num exílio.

Razão, vida e mito
Pe. João Batista de A. Prado Ferraz Costa
Íntegra: http://santamariadasvitorias.org/documentos.php?d=razao-vida-mito.htm
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...