Receba as atualizações por e-mail

Cadastre seu e-mail:

terça-feira, 8 de maio de 2012

Influência russa na crise das Malvinas

Catolicismo, N° 376 – Abril de 1982 – Ano XXXII, pag. 8

O curso dos acontecimentos relacionados com as Ilhas Malvinas ameaça afetar, e a fundo, tanto a política externa como a interna do Brasil. Importa, pois, que a opinião pública brasileira conheça, em profundidade, o que vai se passando, a esse respeito, na Argentina.

Para isso concorre, de modo capital, a leitura de um comunicado que a Sociedade Argentina de Defesa da Tradição, Família e Propriedade publicou no dia 13 do corrente, no importante matutino portenho "La Nación". Constitui ele o primeiro documento vindo à luz no país irmão, a descrever as últimas e mais importantes perspectivas do engajamento militar argentino nas Malvinas.

Dado o alcance desse pronunciamento, o Prof. Plinio Corrêa de Oliveira, Presidente do CN da Sociedade Brasileira de Defesa da Tradição, Família e Propriedade — TFP — enviou ao General João Batista Figueiredo, Presidente da República, a seguinte mensagem em telex datado de 13 do corrente:

"Peço a alta atenção de V. Excia. para o Comunicado hoje dado a público no matutino portenho "La Nación" (p. 4) intitulado La independencia de la Argentina católica ante la efectividad de la soberania en un territorio insular – La TFP apela al Gobierno, a las Fuerzas Armadas y al pueblo, da SOCIEDAD ARGENTINA DE DEFENSA DE LA TRADI­CIÓN, FAMILIA Y PROPIEDAD.

Esse lúcido documento, de nobre e altaneira inspiração cristã, põe em destaque importante aspecto da cri­se das Malvinas, o qual, a meu ver, tem sido insuficientemente notado tanto pela imprensa da Argentina quanto pela do Brasil.

Na qualidade de Presidente do CN da TFP brasileira, rogo a V. Excia. que no balizamento da nossa política ante a crise das Malvinas, queira tomar em consideração as preocupações da TFP argentina.

Rogando à Providência que ilu­mine a V. Excia. na fixação dos rumos de nosso País nesta delicada emergência, apresento-lhe as expres­sões de minha atenciosa conside­ração.

Plinio Corrêa de Oliveira

Presidente do Conselho Nacional da Sociedade 
Brasileira de Defesa da Tradição, Família e Propriedade

Análoga mensagem foi enviada ao Sr. Saraiva Guerreiro, Ministro das Relações Exteriores. 

Nota do Blog

Com a publicação deste artigo, o qual seguirão outros com mesmo tema, crio a página "E previu, Plinio Corrêa de Oliveira" destinada às previsões e denúncias do "Cruzado do Século XX". 

In Domina
Allysson Vidal Vasconcelos
cruzinabalavel@hotmail.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...