Receba as atualizações por e-mail

Cadastre seu e-mail:

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Homossexualidade nas Sagradas Escrituras?

Navegando pela Internet, recebi um texto um tanto "curioso", de um contato... Tal texto acusa o Rei Davi e Jonatã, filho de Saul, de homossexuais. A base? Citações bíblicas!
Isto mesmo... Segue o texto com um comentário, e mais abaixo, a refutação.
____

Revista mostra trechos bíblicos cuja existência "crentes" fingem não saber

Homossexualidade

O amor entre homens era punido com a morte — a não ser que você fosse o rei Davi. Os livros Samuel I e Samuel II contam a história da amizade entre ele e Jonatã, filho do rei Saul, antecessor de Davi e candidato natural ao trono de Israel. Davi acaba escolhido para a sucessão, mas isso não abala o relacionamento dos dois. Está escrito: “A alma de Jonatã se ligou com a alma de Davi. E Jonatã o amou, como à sua própria alma” (Samuel I).

Em outra passagem,  Jônatas tira todas as roupas (?), entrega a Davi e se deita com ele. “E inclinou-se três vezes, e beijaram-se um ao outro” (Samuel I). 


Em todo o capítulo 20 (onde se encontra a passagem citada acima) em nenhum lugar se encontra a afirmação de que Jônatas se despiu para se "entregar a Davi...

Uma coisa curiosa é que o autor do texto pega uma passagem bíblica cria um contexto fictício, e a insere aí. Outro ponto é que o autor só cita "Samuel I" e nada mais. Fui à procura da passagem, e encontrei o verdadeiro contexto, inclusive com uma afirmação muito interessante de Jônatas. Segue: 

"Retornando o servo, Davi saiu de trás do outeiro, pôs-se com o rosto em terra e se prostrou três vezes; a seguir os dois se abraçaram e juntos choraram abundantemente."
Jônatas disse a Davi: "Vai em paz. Quanto ao juramento que fizemos ambos em nome de Iahweh, que Iahweh seja testemunha entre mim e ti, entre a minha descendência e a tua." (
I Samuel, 20:41,42)

Esta última afirmação "entre a minha descendência e a tua." já responde a pergunta que resume o absurdo texto: "Com base nestas passagens, pode-se afirmar que Davi e Jônatas eram homossexuais?" Está evidente que não.



“Esse relato incomoda os intérpretes tradicionais da Bíblia, que tentam explicar a relação como uma forte amizade, e o beijo como um costume comum entre homens”, diz o historiador finlandês Martii Nissinem, da Universidade de Helsinki e autor de Homoeroticism in the Biblical World (Homoerotismo no Mundo Bíblico). “Mas é difícil negar a referência à homossexualidade nesse caso, mesmo que a lei judaica a proíba expressamente.” 

Para alguns especialistas, o Antigo Testamento também sugere um relacionamento homossexual entre duas mulheres, Noemi e sua nora Rute. Está no livro de Rute um trecho em que ela diz a Noemi: “Aonde quer que tu fores irei eu, e onde quer que pousares, ali pousarei eu. Onde quer que morreres morrerei eu, e ali serei sepultada”.
Gostaria de saber de onde que o autor retirou a tal referência à homossexualidade na citação acima.
“Estou angustiado por causa de ti,  Jônatas . Mais maravilhoso me era teu amor do que o amor das mulheres.” (Samuel II 1, 26).

Leia mais em http://www.paulopes.com.br/2012/05/revista-mostra-trechos-biblicos-cuja.html#ixzz1xj56hEOp
Paulopes informa que reprodução deste texto só poderá ser feita com o CRÉDITO e LINK da origem.
____

Refutação

Bem, diz o texto sagrado que Davi nutria profunda amizade para com Jônatas, filho de Saul; cf. 1Sm 18,1-7; 20, 1-42. Morto Jônatas, Davi cantou a elegia da qual se destaca a seguinte passagem: “Tu me eras imensamente querido; a tua amizade me era mais cara do que o amor das mulheres” (2Sm 1,26). 2.2.
Com base nisto, pode-se afirmar que Davi e Jônatas eram homossexuais?

1) Tal interpretação é destituída de fundamento. Ainda que o vício existisse entre Davi e Jônatas, não seria modelo aprovado pela Bíblia para legitimar o homossexualismo, dado que em diversas passagens nas Sagradas Escrituras são narrados fatos que mostram ocasiões de pecado, não com o intuito de legitimar o pecado, mas de mostrar a miséria humana sobre a qual se debruçou a misericórdia divina.

2) Na verdade, Davi parece ter nutrido para com Jônatas a amizade de dois bons companheiros de luta, interessados em apaziguar os ânimos do rei Saul. Davi era o perseguido e Jônatas o protetor de Davi. Esta atitude de Jônatas basta para explicar a profunda gratidão e amizade de Davi para com Jônatas.

Notemos, aliás, que Davi teve muitas mulheres – o que não se dá com os homossexuais. Seja citado o texto de II Sm 5, 13-16:

“À sua chegada de Hebron, tomou Davi ainda concubinas e mulheres em Jerusalém, e nasceram-lhe filhos e filhas. Estes são os nomes dos filhos que lhe nasceram em Jerusalém: Samua, Sobab, Natã, Salomão, Jebaar, Elisua, Nafeg, Jáfia, Elisama, Baalida, Elifalet”.

Considerem-se também os dizeres de II SM 16,21s, que falam repetidamente das “concubinas de Davi”.

Ademais é muito significativo o caso de Davi, que se apoderou da mulher Betsabéia, do general Urias, e, por isto, mandou matar Urias expondo-o na frente de batalha às invectivas do inimigo; Cf. II Sm 11, 2-17.

O texto sagrado dá a entender que Davi se apaixonou por tal mulher e dela teve um filho, que morreu, e outro que foi o rei Salomão.

Ora tais coisas não costumam acontecer aos homossexuais. Donde se vê que é gratuita a hipótese de ter sido Davi um homossexual. Como dito, mesmo que o tivesse sido, daí não se poderia depreender argumento nenhum em favor do homossexualismo.

Retirado de: http://arquidiocesedecampogrande.org.br/arq/formacao-igreja/fe-catolica/2718-a-biblia-e-o-homossexualismo.html?start=3

Convém lembrar

ICor 6,9s: “Não sabeis que os injustos não herdarão o Reino de Deus? Não vos iludais! Nem os impudicos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os depravados, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os injuriosos herdarão o Reino de Deus”.

Rm I,26s: “Deus os (pagãos) entregou-se a paixões aviltantes: suas mulheres mudaram as relações naturais por relações contra a natureza; igualmente os homens, deixando a relação natural com a mulher, arderam em desejo uns para com os outros, praticando torpezas homens com homens e recebendo em si mesmos a paga da sua aberração”.

I Tim 1,9-10: “A lei não foi feita para o justo, mas para os injustos e desobedientes, para os ímpios e pecadores, para os irreligiosos e profanos, para os parricidas, matricidas e homicidas, para os fornicadores, sodomitas [...] e para tudo que é contra a sã doutrina".

In Domina
Allysson Vidal Vasconcelos
cruzinabalavel@hotmail.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...